O que eu aprendi com as mulheres de CDZ

  |  

Olá, Cavaleiros e Amazonas!

Hoje é um dia especial, dia 8 de março é o Dia Internacional da Mulher, e eu, GM Lina, não posso deixar de comentar sobre algumas das mulheres presentes em Saint Seiya.

Saint Seiya fez parte da minha infância e possui um espaço especial reservado no meu coração até hoje, portanto, vou citar o que eu aprendi com as mulheres de CDZ que mais marcaram a minha vida.

Marin

A mestra de Seiya sempre se mostrou uma mulher rígida e determinada. Com ela que aprendemos o conceito de Cosmo e o que é ser fiel a Athena.

Apesar dela ter sido muito rigorosa no treinamento de Seiya, sempre demonstrou empatia por ele e enxergou o potencial do jovem rapaz.

Uma parte que me marcou muito foi quando ela, junto com outros Cavaleiros de Prata, receberam a missão de eliminar os Cavaleiros de Bronze traidores do Santuário, mas, sozinha, conseguiu enganar os seus companheiros para salvar a vida de Seiya.

Shina

A Amazona de Prata de Ofiúco é conhecida por sua personalidade forte e imponente. Todos nós sabemos que ela ficou com muita raiva de Seiya quando ele derrotou o pupilo dela, o Cássios.

Durante a trama, Shina perseguiu e tentou matar Seiya diversas vezes, mas, por causa dos caminhos do destino, os sentimentos dela em relação ao Cavaleiro de Pégaso mudaram completamente.

Na Saga do Santuário foi muito emocionante ver a Shina protegendo o Seiya do ataque de Aioria e revelando os sentimentos dela para ele. Ela é uma mulher que soube ser sincera com os próprios sentimentos, e essa é uma característica louvável.

Saori

Ela, a reencarnação da Deusa Athena, me ensinou valiosas lições sobre manter a esperança, mesmo em momentos de dificuldade.   

Ainda jovem, a Saori teve que lidar com a dor da morte de seu tutor, o Mitsumasa Kido, e com o pesado fardo de ser a personificação de Athena.

Apesar de todas as dificuldades que ela teve que enfrentar, ela nunca perdeu a esperança nos seus fiéis Cavaleiros. Mesmo com tanta coisa errada que acontece no mundo, ela nunca perdeu a fé na humanidade.

Esperança é algo difícil de manter de vez em quando, mas a Deusa Athena me ensinou a nunca desistir.

Bom, pessoal, essas são as minhas personagens favoritas de Saint Seiya, mas cada um possui opiniões diferentes, e não tem nada de errado nisso! O importante é usarmos a data de hoje para tomarmos consciência da importância do papel da mulher na nossa sociedade.

Se você quer homenagear a sua personagem favorita de Saint Seiya, sinta-se livre para participar do nosso evento de fanart que vai rolar até o dia 31/03. As regras e premiações podem ser vistas AQUI.

Por hoje é só, pessoal! Nos vemos no próximo GM Blog ;)

Bye!!!

Atenciosamente,
Equipe CDZ Online